Tendências

Curto prazo

1 a 5 dias

Médio prazo

5 a 90 dias

Análise técnica

Longo prazo

3 meses a 3 anos

Análise fundamentalista

Análise técnica

25/05/2020 Solicitar análise

Para a Banco Itaú (ITUB4), a tendência para os preços de seus ativos no médio prazo (de 5 dias a 3 meses) permanece de queda. Do ponto de vista técnico, este cenário fica evidente pela formação de topos e fundos para os preços cada vez em patamares mais baixos no gráfico diário, pelas médias móveis apontando para baixo e pelo volume financeiro maior apresentado nos dias de queda, o que demonstra a aposta de grandes investidores na desvalorização. Pelo fato dos preços não se encontrarem próximos nem de zonas de pressão compradora (suportes) nem de predominância vendedora (resistências), a perspectiva de curto prazo para a cotação do ativo é neutra. Neste contexto, não vemos oportunidades interessantes de compra nem de venda do ativo no momento. Caso os preços venham a subir, existe uma grande chance de que eles voltem a cair após se aproximar do patamar de resistência em 25,40 representada pela linha vermelha no gráfico. Isso porque na proximidade deste patamar existem muitos investidores interessados em desfazer de seus ativos, o que poderá acarretar o aumento da oferta frente a demanda pelos papéis. Em um cenário de queda para os preços, um ponto de possível interrupção das quedas ficaria na região de suporte em 20,40, representado pela linha verde no gráfico, onde o aumento da demanda pelos papéis poderia acarretar alguma alta de curto prazo para os ativos da Banco Itaú.

2ª Resistência
R$ 26,00
1ª Resistência
R$ 25,40
1º Suporte
R$ 20,40
2º Suporte
R$ 319,00

Avaliar compras

Possíveis oportunidades de compra de curto prazo para as ações da Banco Itaú poderão ocorrer caso os preços da ação se aproximem da região de suporte em 20,40 representado pela linha verde no gráfico. Neste patamar, por existirem muitos investidores dispostos a comprar a ação conforme observado no passado, existe boa chance de que os preços parem de cair e apresentem alguma valorização, mesmo que apenas de curto prazo. Outro cenário interessante para compras, ocorrerá caso os preços superem a região de resistência em 25,40 com um candle de força e volume financeiro acima da média diária, situação em que a empresa sinalizaria a possível reversão da tendência de baixa de médio prazo.

Avaliar vendas

As pessoas que têm ações da Banco Itaú em carteira visando o curto prazo ou que estão interessados em oportunidades na ponta vendida, deverão avaliar vender ações da empresa na proximidade da resistência em 25,40, já que neste patamar a pressão vendedora deve voltar a se tornar predominante, aumentando a oferta de papéis em relação à demanda e acarretando a continuação da tendência de baixa de médio prazo.

Análise fundamentalista

Sobre

O Itaú Unibanco é uma das maiores instituições financeiras do Brasil e um dos maiores grupos empresariais do País. Embora a história dos bancos Itaú e Unibanco seja de décadas atrás, o surgimento do Grupo na formatação atual ocorreu em 2008, com a fusão das instituições durante a crise do subprime. A rede do Banco, em conjunto com empresas coligadas e controladas, atua na atividade bancária em todas as modalidades por meio de suas carteiras: comercial, de investimento, de crédito imobiliário, de crédito, financiamento e investimento e de arrendamento mercantil. Com presença internacional, o Banco está presente na América do Norte, América Central, Europa, Ásia e Oriente Médio.

Pontos positivos

  • Índice de inadimplência acima dos 90 dias relativamente constante e abaixo dos principais pares de mercado, mesmo com o aumento da participação de pessoas físicas na composição da carteira de crédito. Política consistente de distribuição de proventos, com distribuição de parcela considerável dos seus lucros aos acionistas. Elevado ROAE, se mantendo entre os maiores do setor e refletindo a capacidade de geração de lucros a partir dos próprios recursos. Diminuição do número de agências físicas em resposta a um cenário mais competitivo em relação ao digital, principalmente.

Pontos negativos

  • Aumento da PDD em decorrência do crescimento da carteira de crédito de pessoas físicas. Elevação do custo de crédito. Queda da receita advinda de cartões de crédito e débito, e pequeno aumento da receita de serviços de conta corrente em função do ambiente mais competitivo.

Visão dos Analistas

<b> Visão sobre o ITAÚ: <font color="green">Compra</font><b> O investimento em Itaú Unibanco se mostra bastante interessante para o longo prazo. Percebe-se que a instituição consegue gerar lucro líquido crescente, o que reforça a sua posição como o maior banco do País em termos de ativos totais. Além disso, parte significativa desses lucros é distribuída aos acionistas em forma de dividendos mensais ou dividendos complementares, sendo interessante também para quem foca no recebimento de proventos. Mesmo com a recente queda da taxa Selic, a margem financeira com clientes ajustada ao risco não sofreu maiores alterações. Isso demonstra a resiliência da Companhia, uma vez que ela também está conseguindo captar recursos a um custo mais baixo e sem alterar significativamente o perfil de risco da carteira de crédito. Esse fato também pode ser observado através da taxa de PDD (provisão para devedores duvidosos), a qual permanece controlada em um patamar baixo. Além disso, os cortes da Selic têm fomentado o mercado de crédito, uma vez que indiretamente barateiam o custo ao tomador final. Dessa forma, o Itaú deve se beneficiar nos próximos anos desse volume crescente de empréstimos. Dentre as estratégias adotadas pela Companhia, destaca-se o crescimento da carteira de crédito de forma saudável e diversificada, não só no Brasil, como também nas operações na América Latina. Também é perceptível que a receita de prestação de serviços vem crescendo com o passar do tempo, mesmo com o impacto causado por bancos digitais e fintechs nas linhas de receita atreladas aos cartões de crédito e de débito. Contudo, a importância dessa linha de negócio dentro do resultado é um ponto de atenção, uma vez que essas taxas possivelmente terão que ser revistas para se adequar às mudanças no setor. <b> Visão sobre os resultados: <font color="green">Positivos</font><b> O Itaú Unibanco apresenta um dos maiores ROAE (retorno sobre patrimônio líquido médio) do setor, o que demonstra que a Companhia consegue gerar mais lucro líquido com o mesmo patrimônio líquido. Além disso, o Banco vem tentando enxugar as despesas operacionais visando melhorar seu índice de eficiência. Para isso, ele realizou um programa de demissão voluntária (PDV) e vem promovendo o fechamento de algumas agências físicas. Em contrapartida, seguindo uma tendência do setor, o Itaú Unibanco vem aprimorando seu atendimento através dos canais digitais, visando melhorar a experiência do usuário final. O índice de eficiência, que mede a participação das despesas administrativas no resultado, vem crescendo nos últimos anos, o que é um ponto de atenção. Mesmo assim, esse fator não tem impactado diretamente no lucro líquido, o qual segue crescente e batendo sucessivos recordes históricos ao longo dos anos.

Número sobre a empresa

Todos os números estão em milhares
Valor
  • Quanto a empresa vale no mercado?
    Preço da Ação
    Número de Ações
    Valor total $479.6B Preço da empresa no mercado de ações
  • Qual o valor do patrimônio líquido da empresa?
    $545.99Ativo total
    892.6MPassivo total
    Valor patrimonial R$ XX,X
  • Qual o valor do patrimônio líquido da empresa?
    $545.99Preço da Ação
    892.6MPatrimônio por Ação
    A empresa vale 50% do seu valor patrimonial
Lucro
  • Quanto a empresa lucra?
    $225.2BReceita líquida
    $95.5BGastos
    Lucro anual $129.7B
    $129.7BLucro
    892.6MNúmero de Ações
    Lucro por Ação $145.30
  • Quanto o lucro representa do preço da Ação?
    $545.99Preço da Ação
    $145.30Lucro por Ação
    A empresa vale 5x seu lucro anual
Dividendos
  • Quanto a empresa distribui para os acionistas?
    $545.99Dividendos pagos
    $545.99Número de Ações
    A empresa distribui R$ 2,20 de dididendos para os acionistas
  • Quanto isso representa do preço da ação?
    $545.99Preço da Ação
    892.6MDividendos por Ação
    A ação distribuiu 4% do seu valor como dividendos em 1 ano
Correlação
  • Quão sensível a ação é à oscilações do Índice Bovespa?
    Beta: 0,5
    Abaixo de 0,7: Pouco sensível
    Entre 0,7 e 1,5: Sensível
    Acima de 1,5: Muito sensível